Calibração de Strain gauge ¼ de ponte com sinais de shunt

No campo da Análise Experimental de Tensão, centenas e às vezes milhares de strain gauges individuais devem ser medidos. A calibração de sistemas tão grandes pode ser uma tarefa tediosa.

Este documento explica como os procedimentos de calibração rápidos e precisos podem ser realizados automaticamente por meio da técnica de simples comutação de resistor de shunt. É uma técnica comum usar resistores de shunt para verificar sistemas de medição de strain gauges. Mas sinais de shunt não são considerados muito precisos. Seu objetivo principal hoje é garantir que tudo funcione corretamente.

Este artigo descreve que, com a melhoria da técnica de 3 fios e 4 fios, sinais de shunt podem servir como sinais de calibração precisos. Também em situações em que cabos de conexão longos com resistências altas são usados e onde os strain gauges têm grandes desvios de resistência, por exemplo, devido à grande pré-tensão, o erro de calibração pode ser mantido abaixo de 0,2%.

Com o método descrito, todo o sistema, incluindo a fiação dos strain gauges, pode ser calibrado sem desconectar os sensores do strain gauge e substituí-los por um padrão de calibração. Assim, o procedimento de calibração pode ser realizado de forma totalmente automática e muito rápida.

Fale Conosco Entre em contato com a HBM do Brasil para mais informações sobre produtos, sistemas, dúvidas técnicas e cotações.