QuantumX controla o teor de cobre em redes de comunicação 3G

Também o mundo "sem fio" da comunicação móvel depende de cabos confiáveis: Sobretudo se estações de transmissão precisam ser conectadas. As mais novas redes de comunicação 3G oferecem uma ampla gama de opções técnicas, mas também requerem cabos que atendam os mais altos padrões de qualidade. Uma fabricante chinesa aposta no QuantumX da HBM para garantir a qualidade de suas atividades.

Uma fabricante chinesa optou pela HBM para garantir alta precisão no seu processamento de cobre e, assim, melhor atender às exigências das modernas redes de comunicação 3G.

A empresa processa cobre em laminadores a fim de criar chapas finas para produção de cabos coaxiais e chapas para sistemas 3G. Contudo, variações na espessura das chapas levavam, no passado, a sérias atenuações no sinal e potenciais perda da comunicação durante a transmissão.

No princípio, um controlador de espessura era integrado na linha de produção. Entretanto, este, sozinho, se demonstrou inadequado para atender às altas exigências de precisão. A empresa, com um volume de negócios de 600 milhões de RMB (aproximadamente 87,90 milhões de dólares), percebeu-se diante de um grande desafio que a HBM estava preparada para resolver.

O QuantumX MX410 da HBM, com sua altíssima taxa de amostragem de 96 kHz/canal, foi instalado e conectado à um sensor de aceleração, possibilitando a detecção rápida de variações na vibração do laminador. O QuantumX MX410 é também usado para monitorar variações no sinal da tensão de saída do controlador de espessura e é conectado à sensores que fornecem sinais de aceleração, pressão, força, deslocamento, tensão e corrente.

Todos os sinais são transmitidos via Ethernet para o software de aquisição de dados e análise catman®AP da HBM, que permite cálculos FFT em tempo real com controle online em todas as estações de trabalho. Esta configuração possibilita uma fácil identificação de laminadores com defeito e as correspondentes ações corretoras, de maneira que chapas de cobre com uma precisão constante possam ser produzidas.

O engenheiro de manutenção da fabricante disse: "Antigamente nós nos percebíamos impotentes diante de tal problema de qualidade. Agora, com a instrumentação da HBM, é muito fácil encontrar equipamentos com falhas, garantir a qualidade do produto e evitar, assim, perdas substanciais".

Fale Conosco Entre em contato com a HBM do Brasil para mais informações sobre produtos, sistemas, dúvidas técnicas e cotações.