Repetitibilidade robusta com o transdutor de força U15 na Ibertest

As máquinas de teste de material são usadas intensivamente para testar metais, plásticos e até produtos do gênero alimentício, com vistas à atingir e garantir a qualidade na produção.

As máquinas de teste de material são usadas intensivamente para testar metais, plásticos e até produtos do gênero alimentício, com vistas à atingir e garantir a qualidade na produção.

A Ibertest, na Espanha, fabrica uma ampla gama de máquinas de teste de material com cargas nominais que variam de 5 N à 5 MN para as seguintes aplicações:

  • Teste de tração - para testes estáticos de materiais metálicos e não-metálicos
  • Teste de compressão - para testes estáticos de materiais de construção
  • Compressão dinâmica e teste de tensão
  • Teste de fadiga multi-axial.

Por razões de qualidade, bem como de rastreabilidade aos padrões nacionais faz-se necessária uma calibração periódica das máquinas de teste de material.

A calibração é executada no local onde o equipamento de teste de material está operando. Um transdutor de referência - com uma calibração válida, de acordo com o padrão internacional para calibração de transdutor de força ISO 376 - é montado na máquina, no local da peça a ser testada.

O procedimento de calibração (de acordo com o ISO 7500-1) oferece as instruções necessárias para a operação em foco. Diferentes forças devem ser aplicadas de forma crescente, e o transdutor é para isso instalado em diversas posições de montagem. Os resultados são dados em um certificado de calibração, indicando a classe da máquina de teste de material, o seu fator de incerteza e características.

A rastreabilidade de um certificado de calibração Ibertest é documentada através da acreditação junto ao ENAC (Serviço Espanhol de Calibração). Acordos multilaterais asseguram que os certificados destes laboratórios acreditados de acordo com o ISO 17025 sejam reconhecidos no mundo inteiro.

As primeiras calibrações usando o novo transdutor de força U15 da HBM foram realizadas com sucesso na Ibertest. O transdutor foi escolhido devido especialmente à sua alta capacidade de até 1MN em tração e compressão. Ele é também um transdutor muito robusto - o que é ideal para uso in loco -, e oferece, ademais, uma alta classe de precisão de 0.5 de acordo com o ISO 376. As conexões de montagem (adaptadores de tensão e de base) também ajudam a garantir excelentes resultados, como alta repetitibilidade em diferentes posições de montagem e minimização de erros de interpolação.

Duas opções adicionais disponíveis são muito úteis para calibrações in loco: Uma cobertura protetora ao redor do plug - perfeita para duras condições operacionais. Além disso, a TEDS - a Folha de Dados no transdutor - permite que amplificadores possam ser configurados rápida e economicamente.

Para assegurar uma aprimorada repetitibilidade e precisão, o serviço de calibração da Ibertest está equipado com sistemas automatizados, computadorizados. Sistemas semi-automatizados estão também disponíveis para máquinas com dispositivos de medição mais antigos. A cadeia de medição inclui amplificador MGCplus da HBM e um PC notebook. Isto possibilita a emissão de protocolos de calibração em tempo real. Cadeias de calibração guiadas por computador fornecem resultados livres de ruídos e reduzem a possibilidade de erros humanos.

Como uma fabricante, a Ibertest executa tanto calibrações de força (de 5 N até 5 MN), quanto calibrações de deslocamento (0 até 50 mm). Eles oferecem adicionalmente execução de trabalhos de manutenção de rotina em máquinas de teste de material, a fim de assegurar a segurança operacional. Depois de um teste o cliente pode estar seguro de que a sua máquina de teste de material satisfaz as prescrições de qualidade de acordo com o padrão ISO 9000 e que os resultados do seu teste de materiais estão corretos.

Fale Conosco Entre em contato com a HBM do Brasil para mais informações sobre produtos, sistemas, dúvidas técnicas e cotações.