A Instalação Correta de Strain Gages em Superfícies de Concreto

Instalar strain gages em superfícies de concreto não é difícil. Tenha em mente três critérios-chave e resto será fácil. Leia mais para descobrir quais são estes critérios e o que precisa levar em consideração.

Escolhendo o Strain Gage Ideal

A escolha do strain gage ideal depende do comprimento da grade de medição, principalmente porque possui um impacto decisivo no resultado da medição. O strain gage determina a média aritmética das condições de deformação existentes sob sua grade de medição. Este fator precisa ser levado em conta para responder à pergunta relativa ao comprimento excelente da grade de medição. Quando é utilizada uma grade de medição curta para medir a deformação em material não homogêneo, como concreto, podem ser medidas deformações parciais nos seixos ou em seções individuais do cimento endurecido. Neste caso, é essencial cumprir com as recomendações para usar um comprimento de grade de medição cinco vezes maior que o tamanho da máxima granulometria associada. Levando isso em consideração, a HBM fornece strain gages com comprimento de grade de medição de até 150mm (por exemplo, o 1-LY41-150/120 da HBM)

Utilize strain gages que são cinco vezes maior que a máxima granulometria.
  • O comprimento de strain gage ideal depende do material estrutural;
  • O concerto é um material não homogêneo com grãos parciais e seixos;
  • Strain gages que são muito curtos podem medir os seixos ao invés do material estrutural;
  • Recomendação: use um comprimento de grade de medição que é cinco vezes maior que o tamanho da máxima granulometria.

Qual adesivo é o mais adequado?

O concreto necessita de um adesivo forte com preenchimento dos poros para que forme um adesivo confiável mesmo se algumas quantidades de umidade residual ainda estiverem presentes no concreto. A supercola X60 produzida pela HBM provou sua eficiência neste tipo de situação. A colagem direta de strain gages no concreto só é recomendada para partes secas. Se a umidade residual estiver presente, é recomendado que uma fina camada de alumínio seja primeiro aplicada como uma camada de proteção e então o strain gage seja instalado sob esta camada.

Medições relacionadas ao ponto zero só são possível no concreto se a amostra estiver completamente seca ou se o teor de umidade se mantiver constante durante a medição. O concreto é conhecido por retrair ou inchar se seu teor de umidade sofrer mudanças. Portanto, medições relacionadas ao ponto zero só são possível durante um período relativamente curto de tempo, a menos que um objeto equivalente e sem carga estiver disponível para compensação. As regras para instalação de metal são aplicadas às instalações em concreto armado. Você só precisa ter certeza de que o strain gage está protegido corretamente. É necessária uma atenção especial para a proteção mecânica do strain gage para garantir que o depósito do concreto não irá danificar a instalação do strain gage.

A super cola X60 é ideal para instalar strain gages em superfícies de concreto.

O que deve ser considerado durante a preparação do ponto de medição?

A preparação das superfícies de cola do concreto é adaptada ao uso da supercola X60 e é, geralmente, mais simples que no caso de instalações em metal. É necessário determinar se foram utilizados moldes banhados a óleo ou secos no concreto. No caso do primeiro, a camada coberta de óleo deve ser removida com um rebolo. Não é recomendado lubricar com a ajuda de solventes, já que o solvente e o óleo misturado apenas irão penetrar mais profundamente no concreto. Se forem usados moldes secos, simplesmente remova a leitança superficial do concreto até chegar ao concreto sólido. O rebolo também é recomendado aqui para se obter uma superfície plana tão plana quanto possível.

Além disso, remova cuidadosamente a poeira do rebolo com ar bombeado ou com um compressor de ar. Sele completamente os poros com o adesivo X60, preenchendo-os completamente, não apenas superficialmente. Suavize as áreas de conexão, sem aplicar uma camada. Após aproximadamente 30 minutos, uma fina camada de alumínio poderá ser aplicada como uma barreira protetora ou, sob certas circunstâncias, o strain gage pode ser fixado.